sombra
Postado em 13/01/2015 15:20

Bromélias dentro e fora de casa

legenda da imagem

As bromélias não são parasitas como muitas pessoas pensam. Na natureza, aparecem como epífitas (simplesmente apoiando-se em outro vegetal para obter mais luz e mais ventilação), terrestres ou rupícolas (espécies que crescem sobre as pedras) e compõem uma das mais adaptáveis famílias de plantas do mundo, pois apresentam uma impressionante resistência para sobreviver e apresentam infinitas e curiosas variedades de formas e combinações de cores. As bromélias estão divididas em grupos chamados gêneros - que hoje são mais de 50. A maioria das espécies de um mesmo gênero tem características e exigências iguais. Gêneros diferentes requerem diferentes variações de luminosidade, rega e substrato.


Bromélias Epífitas

Estas bromélias são encontradas nas arvores na natureza. Elas podem ser cultivadas facilmente em vasos porem devem ser plantadas com um substrato que tenha uma boa drenagem como por exemplo casca de pinos.


Este tipo de Bromélia é ótima para decorar ambientes internos devido suas flores com cores chamativas como amarelo e vermelho.


As Bromélias epífitas devem ser cultivadas em lugares com luz indireta (sem pegar sol em suas folhas). O melhor adubo para este tipo de bromélia é um adubo orgânico com o bokashi.


Uma ótima dica para evirar a proliferação de insetos como a dengue em suas bromélias é encher seus cálices com água misturada com água sanitária (um litro de água para uma colher de sopa de água sanitária). 


 


Tags: Bromélias,